Crie um site como este com o WordPress.com
Comece agora

PPF Auto Regenerativo

PPF é a sigla para Paint Protection Film e, em tradução livre, quer dizer: película de proteção de pintura.

O PPF é composto basicamente de poliuretano termoplástico, sendo uma película com propriedades elásticas incolor, desenhada para prover uma proteção eficiente à pintura automotiva.

Frequentemente, pedras, insetos, areia, galhos, sol excessivo, lama e outros objetos podem arranhar ou manchar a pintura e é nesse cenário que entra a película de proteção.

Até mesmo as manchas causadas por fezes de aves e gotas de combustível podem ser evitadas com o uso deste material que tem a capacidade de se regenerar dos microarranhões simplesmente expondo o veículo ao sol ou despejando água quente.

Assim, arranhões finos e marcas podem ser eliminadas simplesmente pela exposição ao calor, pois as propriedades do PPF permitem que o material se recomponha e readquira sua aparência original.

Resistência à água

O PPF oferece resistência à água, repelindo-a. Isso facilita inclusive a lavagem do veículo que terá sempre um aspecto de como tivesse sido polido naquele momento.

A origem do PPF

Em 1950, durante a Guerra do Vietnã, os americanos buscavam um recurso que ampliasse a vida útil protegesse as hélices dos helicópteros que eram constantemente afetadas por variações climáticas e fragmentos que colidiam com a aeronave.

A fim de evitar as constantes substituições das pás das hélices devido às constantes avarias, implementaram testes com uretano termoplástico.

Os testes foram tão bem-sucedidos que a invenção foi utilizada em todas as aeronaves militares.

Porém, ao tentar utilizar este recurso em carros, houve dificuldades, pois o design dos carros não favorecia a aderência frente à rigidez da película.

Em 1960, foram feitas modificações que permitiram maior flexibilidade da película, tornando-a mais maleável.

Porém ainda havia um problema. A película tirava o brilho da pintura e deixava a lataria opaca, prejudicando a estética dos veículos.

Após os anos 80, o PPF adquiriu mais tecnologia e sofisticação, aderindo perfeitamente à lataria, contornando as superfícies mais curvadas e oferecendo proteção de forma mais ampla.

Hoje, para quem deseja proteger o aspecto original da pintura, mantendo a aparência do carro como se estivesse sempre polido, o PPF é a melhor opção.

E para que você não confunda com o PPF com envelopamento automotivo, aqui estão outros nomes dados ao mesmo tipo de material:

  • PPF / Paint Protection Film;
  • Proteção de Pintura;
  • Proteção Invisível;
  • Proteção Transparente;
  • Envelopamento Invisível;
  • Envelopamento Transparente;
  • Envelopamento de Proteção.

O envelopamento em vinil tem pouca proteção na pintura, bem como a vitrificação. Estes materiais estão mais ligados à estética e á modificação em determinada medita da cor do automóvel.

Portanto, se você procura proteção à pintura, você deve buscar pelo PPF.

Como o PPF é aplicado?

Somente profissionais treinados e especializados devem realizar o procedimento de aplicação de PPF.

O veículo precisa passar por uma série de etapas que demandam técnica e habilidades para evitar qualquer tipo de problema.

A primeira delas é a higienização do exterior do carro, de modo que haja aderência perfeita, sem aparecimento de bolhas após a aplicação.

Conforme o tipo de corte, uma plotter poderá ser usada, bem como um vaporizador para auxiliar no molde do PPF à lataria.

Se o proprietário escolher aplicar em toda a carroceria, esse procedimento pode levar até três dias e o automóvel deverá ficar na loja durante esse período.

Onde o PPF pode ser aplicado?

Este procedimento de proteção de pintura não se restringe aos carros, podendo também ser utilizado em motos, caminhonetes, trailers, barcos e aeronaves.

Porém o custo pode ser elevado para a maioria dos bolsos. O cálculo do preço do serviço é conforme a quantidade de material utilizada e o tempo dispendido para aplicação.

O custo do PPF aplicado em toda a carroceria de um veículo popular, pode variar entre R$ 5.000,00 até R$ 40.000,00.

Devido ao alto valor, muitos proprietários optam pela aplicação apenas nas partes mais vulneráveis da pintura, como as áreas das maçanetas, tanque de gasolina de outros.

Aplicar PPF dá multa?

A resposta é não, pois nenhuma modificação na aparência do veículo é feita, uma vez que o material é transparente.

Conclusão

Como vimos, o PPF pode oferecer uma eficiente proteção à pintura, porém o custo pode ser muito elevado, o que coloca em xeque sua aplicação em carros populares.

Mas a película de proteção de pintura sempre foi famosa entre colecionadores, pois muitos sabem que manter o veículo preservado aumenta seu valor no mercado.

Se você procura por opções mais baratas no mercado, com certeza irá encontrar estas películas de procedência chinesa, tailandesa e até paraguaia, mas a qualidade poderá ser inferior.

 

source https://doutormultas.com.br/ppf-auto-regenerativo/

from Blogger https://ift.tt/GS1NMZL
via IFTTT

Publicidade

Publicado por Antônio Cunha Lima

Olá, meu nome é Antônio Cunha Lima, tenho 47 anos e sou de Contagem, Minas Gerais. Sempre procuro aprender coisas novas para manter meu cargo protegido e dirigir tranquilo com minha família.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: