Crie um site como este com o WordPress.com
Comece agora

Gol Special: anos, detalhes, fotos, motor, consumo

O Gol Special era uma versão de entrada da geração G2 que foi vendida durante o período da geração G3, dando assim continuidade ao modelo anterior, uma prática bem conhecida no mercado.

O Special foi uma forma de reduzir o preço de entrada do Gol com a geração anterior, sendo algo que a Fiat fez muito com o Fiat Palio e Fiat Siena, por exemplo.

Bem simples, o modelo era baseado na versão 1.0, tendo motor EA111 AT-1000 com 8V, porém, no Gol G3 ele acabou tendo uma versão Special chegou a ter motor 1.6 8V.

Que ano saiu o Gol Special?

A versão durou inicialmente de 1999 a 2005, atendendo essas duas gerações e sendo substituída pelo Gol G4, e entre 2016 e 2017, o Gol Special voltou na forma do hatch com 2 ou 4 portas.

Com proposta bem frugal, foi uma opção interessante e que teve até versão com quatro portas, mas era a carroceria de duas portas a mais conhecida e difundida no mercado.

Gol Special – detalhes

O último Gol Special foi lançado no final de 2014 como modelo 2015, ainda na geração Gol G6 do hatch, que havia retornado com duas portas, veio com a proposta de ser uma opção de entrada.

Assim como no início, nos anos 90, o Gol Special da geração G6, era igualmente bem simples e nem tinha limpador traseiro, muito menos lavador e desembaçador.

Ar condicionado, direção hidráulica, vidros elétricos dianteiros e travamento central das portas eram opcionais, mas também tinha, por exemplo, faróis duplos com máscara negra.

Rodas de aço aro 14 polegadas com calotas, maçanetas e retrovisores pretos, enquanto por dentro, o Gol Special tinha cluster com conta-giros, bancos em tecido, preparação para som, banco traseiro rebatível e retrovisores com controle interno, entre outros.

Os citados limpador, desembaçador e lavador do vidro traseiro custavam na época R$ 500, enquanto vidros e travas custavam R$ 780.

A direção hidráulica custava R$ 1.200 e o ar condicionado tinha preço de R$ 2.230, que poderiam ser adquiridos individualmente.

Seu motor era o EA111 1.0 MPI de quatro cilindros com duas válvulas por cilindro e 72 cavalos na gasolina, com 76 cavalos no etanol, com torques de 9,7 kgfm no primeiro e 10,6 kgfm no segundo.

Ele ia de 0 a 100 km/h em 13,4 segundos e tinha máxima de 163 km/h, fazendo 7,7 km/l na cidade e 9,6 km/l na estrada, ambos com etanol, enquanto com gasolina fazia 11,6 km/l no urbano e 13,9 km/l no rodoviário.

Tendo 3,89 m de comprimento e 2,47 m de entre eixos, tendo 285 litros e espaço interno mediano, especialmente na versão de duas portas, com o ruim acesso ao banco traseiro.

Gol Special – gerações anteriores

Além dessa geração, o Gol G2 foi o primeiro a ter a versão Gol Special, mas sob as vendas do G3, sendo o modelo anterior com preço menor.

Na época, o Gol Special G2 tinha motor EA111 AT-1000 com 1.0 litro e oito válvulas, entregando 54 cavalos e 8,5 kgfm, tendo câmbio manual de cinco marchas.

Tinha para-choques pretos, assim como grade, retrovisores e maçanetas, tendo ainda rodas de aço aro 13 polegadas sem calotas, pneus 155/80 R13, vidros manuais, travas manuais,  retrovisores externos sem controle, bancos em tecido e banco traseiro rebatível.

Com vidros brancos, sem para-brisa degradê ou mesmo ar quente, o Gol Special era desprovido de quase tudo o que não fosse obrigatório por lei, buscando assim custar o menos possível para ser produzido e ainda dar um lucro para a montadora.

O conteúdo era muito pobre, praticamente transformando o carro em um mero transporte pessoal, em tempos onde era difícil ter um carro novo para consumidores de baixa renda, sendo ainda um “luxo” para a maioria.

No G3, o Gol Special passou a ter para-choques de cor cinza, com protetores pretos, bem como retrovisores e maçanetas nesta mesma cor.

Continuava a ter como opcionais itens básicos, como limpador e lavador traseiro, vidros verdes, desembaçador traseiro, para-brisa degradê, banco do motorista com ajuste em altura, conta-giros, fontes 12V e ar quente, por exemplo.

Bancos com textura única, volante de três raios, ventilador de três velocidades, suporte para rádio, entre outros, tendo o painel da geração G2, apesar de ser externamente um G3, que assim durou uma década a bordo do Gol.

Nessa época, o motor 1.0 MPI tinha 57 cavalos e 8,6 kgfm, passando depois para 65 cavalos e 9,1 kgfm, mas chama atenção o fato de ter existido um Gol Special com motor 1.6 litro.

Entre 2002 e 2003, a VW quis encerrar a carreira do Gol G2 com uma versão Special tendo motor AP 1.6 de 99 cavalos e 14,4 kgfm.

Desprovido de itens básicos, porém, não obrigatórios, o Gol Special 1.6 andava bem e era bem econômico, por ser leve e ter pneus 155/80 R13.

Gol Special – preços

  • Volkswagen Gol Special 2016 2 portas – R$ 41.590
  • Volkswagen Gol Special 2016 4 portas – R$ 41.846
  • Volkswagen Gol Special 2005 – R$ 13.581
  • Volkswagen Gol Special 2004 – R$ 11.658
  • Volkswagen Gol Special 2003 – R$ 11.340
  • Volkswagen Gol Special 2002 – R$ 11.031
  • Volkswagen Gol Special 2001 – R$ 10.730
  • Volkswagen Gol Special 2000 – R$ 10.434
  • Volkswagen Gol Special 99 – R$ 9.840
  • Volkswagen Gol Special 98 – R$ 9.194

(*) Preços da tabela Fipe – agosto/2022.

Gol Special – equipamentos

Gol Special 2 portas 1.0 MPI Flex – Motor 1.0 e câmbio manual de cinco marchas, mas airbag duplo, freios com ABS e EDB, para-choques na cor do carro, rodas de aço aro 14 polegadas com calotas, pneus 175/65 R14, vidros verdes, bancos dianteiros basculantes, vidro térmico traseiro e desembaçador traseiro.

Para-brisa degradê, maçanetas e retrovisores sem pintura, bancos em tecido, banco traseiro rebatível, cintos de três pontos nas laterais, painel com conta-giros, ar quente, ar condicionado, direção hidráulica, vidros elétricos, travas elétricas, retrovisores com controle interno e fonte de 12V.

Gol Special 2 portas 1.0 MPI Flex – Itens acima, mais portas traseiras com travas de segurança para crianças e vidros manuais.

Gol Special – motor

O motor do Gol Special era o EA111 de quatro cilindros, sendo este construído em bloco de ferro fundido com cabeçote em alumínio e duas válvulas por cilindro, tendo comando de válvulas único.

Tendo injeção eletrônica multiponto, o 1.0 MPI entregava 72 cavalos na gasolina e 76 cavalos no etanol, ambos a 5.250 rpm.

Já o torque era de 9,7 kgfm no primeiro e 10,6 kgfm no segundo, ambos a 3.850 rpm.

O câmbio era o MQ-200 de cinco marchas com embreagem de acionamento hidráulico.

O sistema flex era por pré-aquecimento, garantindo assim partida a frio mais eficiente em dias de baixa temperatura.

Gol Special – desempenho

  • Volkswagen Gol Special 2P 1.0 – 13,4 segundos e 163 km/h
  • Volkswagen Gol Special 4P 1.0 – 13,4 segundos e 163 km/h

Gol Special – consumo

  • Volkswagen Gol Special 2P 1.0 – 7,7/9,6 km/l e 11,6/13,9 km/l
  • Volkswagen Gol Special 4P 1.0 – 7,7/9,6 km/l e 11,6/13,9 km/l

Gol Special – fotos

Via Notícias Automotivas https://ift.tt/Sy39nWz

source https://antoniocunhalima.blogspot.com/2022/08/gol-special-anos-detalhes-fotos-motor.html

Publicidade

Publicado por Antônio Cunha Lima

Olá, meu nome é Antônio Cunha Lima, tenho 47 anos e sou de Contagem, Minas Gerais. Sempre procuro aprender coisas novas para manter meu cargo protegido e dirigir tranquilo com minha família.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: