Crie um site como este com o WordPress.com
Comece agora

VW: picape no mercado americano está mais longe

O sonho dos concessionários americanos da VW, de ter uma picape no mercado local, estaria mais próximo de se realizar com Pablo Di Si aos EUA, porém, Thomas Schäfer, CEO mundial, tem outra visão…

Recentemente, surgiram informações que falavam de uma variante VW da picape elétrica e off roader da Scout, mas parece que agora nem isso.

Di Si, que assumiu no lugar de Scott Keogh, comentou que uma picape no mercado americano precisa, antes de tudo, ser eletrificada.

Até aí tudo bem, já que se esperava algo assim da VW, em seu processo de eletrificação na América do Norte.

No entanto, Schäfer adiantou que a Scout não compartilhará uma picape com a VW, pelo menos não nessa década.

Schäfer disse: “No momento, nosso foco na programação não inclui isso”.

O novo chefe da VW explicou: “No momento, temos uma escalação clara até a segunda metade desta década. Novamente, no mercado americano, se você não atua em determinados segmentos, precisa permanecer em uma determinada área de participação de mercado. Mas a questão [da nova plataforma Rugged SUV da VW] não é nossa prioridade no momento.”

Keogh, que agora é CEO da Scout, comentou anteriormente: “Esta plataforma pode fornecer uma oportunidade para outros veículos do grupo. Sim. Quero ser claro sobre esta coisa: esta plataforma definitivamente poderia fornecer uma oportunidade para veículos não-Scout”.

Agora, se vê que isso não acontecerá inicialmente e vai demorar muito mais que o esperado para vermos o chassi em outras marcas do grupo alemão.

Dessa forma, propostas como a picape Atlas Tanoak, Tarok ou mesmo a nova Amarok no mercado americano, falharam.

Ainda assim, os revendedores deverão se apegar mais a Di Si, que declarou: “Quais são os segmentos relevantes nos EUA? SUVs e picapes. Vamos ter uma picape? Vou tentar. Temos uma agora? Não. No momento, meu foco é fortalecer o portfólio de SUVs. Vou abordar as picapes no momento certo, mas agora tenho outras questões para resolver.”

Globalmente, a VW foca apenas na Amarok, em sua nova geração, com ações localizadas talvez com a versão argentina da primeira geração, mas parece certo que o caminho será trocar essa pela Tarok, que está demorando muito.

[Fonte: Auto News]

Via Notícias Automotivas https://ift.tt/8XHcgBq

from Blogger https://ift.tt/sZ01owR
via IFTTT

Publicidade

Publicado por Antônio Cunha Lima

Olá, meu nome é Antônio Cunha Lima, tenho 47 anos e sou de Contagem, Minas Gerais. Sempre procuro aprender coisas novas para manter meu cargo protegido e dirigir tranquilo com minha família.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: